Menu

Painéis fotovoltaicos de energia solar

Instalação solar térmica

Usina de energia solar
Termelétrica

Energia solar passiva

Energia solar passiva

No projeto de edifícios solares passivos, janelas, paredes e pisos são feitos para coletar, armazenar e distribuir energia solar na forma de calor no inverno e rejeitar o calor solar no verão. Isso é chamado de design solar passivo porque não envolve o uso de dispositivos mecânicos e elétricos.

A chave para projetar um edifício solar passivo é aproveitar ao máximo o clima local, realizando uma análise precisa do local. Os elementos a serem considerados incluem o posicionamento e tamanho da janela e o tipo de envidraçamento, isolamento térmico, massa térmica e sombreamento. As técnicas de design solar passivo podem ser aplicadas mais facilmente a novos edifícios, mas os edifícios existentes podem ser adaptados ou adaptados.

As leis da termodinâmica desempenham um papel fundamental neste aspecto, uma vez que as transferências de calor e temperatura são a base da energia solar passiva.

Diferenças entre energia solar ativa e energia solar passiva

A energia solar pode ser explorada basicamente de duas maneiras:

A principal diferença é que na energia solar ativa há um processo de transformação de energia. Por meio de painéis fotovoltaicos, transformamos energia solar em energia elétrica ou através de painéis solares, transformamos a energia solar em energia térmica.

Energia solar passiva são as técnicas que permitem que a energia solar seja aproveitada diretamente sem ter que processá-la. Por exemplo, dependendo do projeto arquitetônico na construção civil, o uso de energia natural pode ser consideravelmente melhorado.

Técnicas para uso solar passivo

A energia solar passiva utiliza componentes como a construção de paredes, pisos, tetos, janelas, elementos de construção externa e paisagismo para controlar o calor gerado pelo sol. Os projetos de aquecimento solar tentam capturar e armazenar a energia térmica da luz solar direta. O resfriamento passivo minimiza os efeitos da radiação solar através do sombreamento ou a geração de correntes de convecção do ar de ventilação.

Um aspecto importante no projeto de edifícios para o uso de energia solar passiva é saber como gerenciar o fluxo de correntes de ar no interior do edifício para capturar o calor no inverno e dissipá-lo para o exterior no verão.

Iluminação natural e aquecimento e resfriamento passivos são os principais conceitos solares.

Um bom projeto arquitetônico também nos permite melhorar a iluminação natural. Um edifício comercial pode reduzir sua conta de eletricidade usando luz natural. Ele irá criar uma atmosfera agradável e reduzir os custos de ar condicionado, porque também é considerável a quantidade de calor gerado por lâmpadas e loas fontes de iluminação artificial.

Benefícios da energia solar passiva

A energia solar passiva é caracterizada por seu baixo custo para a realização de seu trabalho. Às vezes, esse custo é mesmo nulo. O custo de manutenção é muito baixo. Durante o seu funcionamento, não são emitidos gases com efeito de estufa. Apesar disso, o trabalho continua a melhorar o rendimento e o benefício econômico.

Isso não impede que seja necessário continuar trabalhando otimizando os sistemas para obter um maior rendimento e benefício econômico. A economia e a eficiência no consumo da energia dependem do tamanho de uma instalação (renovável ou convencional). Esses critérios resultam em um benefício econômico maior se forem critérios considerados desde o início.

As tecnologias solares passivas oferecem economias significativas, especialmente no aquecimento de ambientes. Combinadas com tecnologias solares ativas, como a energia solar fotovoltaica, elas também podem se tornar uma excelente fonte de renda.

valoración: 2.8 - votos 15

Última revisão: 14 de fevereiro de 2018